terça-feira, 1 de novembro de 2011

Por onde o pensamento for

*** Antes de começar, aperte SHIFT + clique na imagem ao lado pra escutar a playlist, mas depois volta pra aqui, viu! ***

Meu pensamento vai longe... Como sempre foi.
Nova cidade. Nova vizinhança. Nova vida. Coração cheio de esperanças. Esperança... Esperança de mudança. Esperança de recomeço. Esperança de aprendizado. Aprender a se aceitar acima de tudo. Aprender a utilizar suas próprias características a seu próprio favor. Autoconhecimento.
É claro que mudar de cidade não garante nada por si só. Não sou ingênua a acreditar nisso. Não é a mudança por si mesma. Mas o sentimento por trás dela, entende? A vontade. Claro que também sei que o próprio dia a dia acaba desgastando essa mesma vontade. Também não sou ingênua a ponto de acreditar em uma vida cor de rosa daqui pra frente (mesmo que eu continue sonhando com ela rsrs).

Não, não escrevo triste. Não me leia assim. Também não me leia como se eu estivesse triste no Rio, não, definitivamente não estava. Mas estou com aquele sentimento gostoso que temos quando fazemos algo ousado, mesmo que tenha sido só um pouquinho de ousadia. Mantendo um dos pés no chão. Mas apenas um, para que eu não esqueça de sonhar.

Estou aprendendo a não prometer nada. Apenas a mim mesma. Buscar cada vez mais a minha felicidade. Acima de tudo!

*** Não está entendendo nadinha de nada? Pois então, é que agora estou na terra da garoa, em Sampa. Marido transferido, lá viemos nós com o coração apertadinho de saudade de nossos queridos e a alma cheia de boas esperanças! ***

Um comentário:

** Dri ** disse...

Em Sampaaaaa?????
Vc????
Como assim???
Conta tudo!!!
Quero, ou melhor preciso te ver!!!!!
:)
bjinhoo